Alta Cilindrada Moto Revista

Nova Triumph Daytona 660 2024

Nova Triumph Daytona 660 2024 – Depois de um longo período de marasmo, parece que está rolando uma certa retomada no mercado das motos esportivas de média cilindrada, à medida que os fabricantes redescobrem a receita para oferecer diversão acessível com um toque de praticidade. Agora, a Triumph está entrando na briga com sua nova Daytona 660 2024, e pelo menos no papel, ela tem todos os ingredientes para ser a melhor da turma.

Nova Triumph Daytona 660 2024

Nova Triumph Daytona 660 2024 e o cenário das esportivas de média cilindrada

Os últimos vinte anos foram meio complicados para as motos esportivas. Depois de serem as líderes de vendas em todo o mundo nos anos 90, elas sofreram uma queda espetacular no novo milênio, à medida que os pilotos viraram as costas para uma nova geração de máquinas de quatro cilindros de 600 cc cada vez mais extremas.

As fabricantes de motocicletas se envolveram numa acirrada batalha por especificações técnicas e sucesso nas corridas, o que pareceu cegá-las para a usabilidade que tornou as motos de média cilindrada dos anos 80 e 90 tão atraentes. Em vez de tornar as corridas mais acessíveis, as regulamentações que exigiam o uso de motos de rua minimamente modificadas na categoria Supersport de 600 cc levaram ao desenvolvimento de gerações de máquinas focadas demais na pista, incapazes de atrair os clientes que antes faziam dessa classe um grande sucesso. Motos como a Honda CBR600F, que eram felizes no trajeto diário, em viagens de férias e na pista nos fins de semana, foram substituídas por máquinas caras projetadas para corridas em estradas, que, embora impressionantes do ponto de vista técnico, eram bem menos práticas no dia a dia.

Triumph Daytona 660 2024

Felizmente, as empresas de motocicletas parecem ter redescoberto a alegria de uma moto esportiva prática e acessível, mesmo que isso signifique sacrificar alguns cavalos de potência ou frações de segundos nas voltas. A nova categoria inclui motos como a Yamaha YZF-R7, a Honda CBR650R, a Kawasaki Ninja 650 e a Suzuki GSX-8R.

No entanto, a nova Triumph Daytona 660 parece pronta para ser mais atraente do que qualquer uma delas, graças a um motor tricilíndrico rico em personalidade, desempenho líder de classe e um preço competitivo.

Preço da Nova Triumph Daytona 660 2024

A Daytona começa em US$ 9.195 (R$ 45.830), um pouco abaixo dos US$ 9.199 (R$ 45.860) da Yamaha R7, apesar de oferecer um cilindro extra e 22 cv a mais. Também é mais barata, mais leve e mais potente do que a GSX-8R de US$ 9.439 (R$ 47,050), e tem uma vantagem de preço ainda maior sobre a Honda CBR650R de US$ 9.899 (R$ 49.340).

Nova Triumph Daytona 660 2024

Vimos a moto em teste no ano passado, e ficou claro imediatamente que ela estava quase pronta para produção e baseada fortemente na Triumph Trident 660, compartilhando muitos componentes com essa roadster. No entanto, a revelação oficial mostra que a Triumph fez muito mais do que simplesmente adicionar carenagens à Trident, já que a Daytona 660 passou por mudanças profundas, incluindo uma versão altamente revisada do motor de 660 cc da Trident.

Nova Triumph Daytona 660 2024

Novo Motor na Triumph Daytona 660 2024

Enquanto o tricilíndrico de 81 cv da Trident teria sido suficiente para colocar a moto em pé de igualdade com a nova Suzuki GSX-8R e vencer a Yamaha R7 na potência, a Triumph optou por elevar a barra ainda mais, criando uma versão de 94 cv do motor para a Daytona 660. O diâmetro, curso e capacidade não foram alterados, mas há uma nova cabeça de cilindro, cames diferentes, um novo virabrequim, um novo sistema de escape 3-em-1 e, mais notavelmente, um novo arranjo de corpo de borboleta triplo no lugar do corpo de borboleta único da Trident.

Nova Triumph Daytona 660 2024

Todas essas mudanças ajudam a elevar a linha vermelha para 12.650 rpm, com a potência máxima 17% superior à da Trident e alcançando 11.250 rpm, 1.000 rpm a mais que a roadster. Também há mais torque, com um aumento de 9% para 7,8 kgf/m , atingindo o pico quase 2.000 rpm acima, vistitando a casa dos 8.250 rpm. Ele utiliza a mesma embreagem assistida e deslizante e transmissão de seis marchas da Trident, mas com uma relação de transmissão final revisada para se adequar à natureza de rotação mais alta do motor. Um quickshifter é opcional.

Nova Triumph Daytona 660 2024

Mas não se deixe enganar pelos giros mais altos achando que a Triumph sacrificou o desempenho em baixas rotações em busca de números mais altos no pico; mais de 80% do torque máximo está disponível de 3.125 a 11.750 rpm. Apesar dos giros extras, os intervalos de serviço do motor são tão longos quanto os da Trident, com visitas ao revendedor necessárias a cada 15.000 km ou anualmente.

Nova Triumph Daytona 660 2024

Nova Triumph Daytona 660 2024 atualizou o chassi

Assim como o motor, o chassi é derivado da Trident, mas com algumas mudanças notáveis para se adequar ao estilo carenado e às intenções mais esportivas da Daytona. O ângulo da cabeça é mais íngreme, passando de 24,6 para 23,8 graus, e a inclinação é reduzida de 4,2 para 3,2 polegadas.

Enquanto isso, a distância entre eixos é ampliada de 55,2 para 56,1 polegadas, graças ao aumento do offset das novas abraçadeiras triplas. A suspensão é semelhante à da Trident, com um garfo invertido Showa SFF-BP de 41 mm não ajustável e um monoamortecedor Showa ajustável na pré-carga na traseira, ligado a um braço oscilante de aço fabricado.

Nova Triumph Daytona 660 2024

Nova Triumph Daytona 660 2024 Atualizou os Freios

A Triumph deu uma atualizada nos freios, substituindo as pinças dianteiras Nissin de montagem axial e dois pistões usadas na Trident por um par de pinças radiais de quatro pistões, agarrando discos de 310 mm. Estes são feitos especificamente para a Triumph e ostentam o logo da empresa, mas se parecem muito com as pinças J.Juan usadas por várias outras marcas, incluindo KTM e CFMoto.

Nova Triumph Daytona 660 2024

Em termos de ergonomia, a Triumph afirma ter se inspirado nas motos esportivas versáteis dos anos 90, como a Honda CBR600F, criando uma posição que é esportiva, mas não quebra as costas ou os pulsos como muitas das motos esportivas mais dedicadas (pense na Yamaha YZF-R6, Kawasaki ZX-6R e Suzuki GSX-R600). Comparadas à Trident, as barras são 2,3 polegadas mais estreitas, 3,7 polegadas mais para a frente e 4,3 polegadas mais baixas, além de estarem inclinadas para baixo e para trás por alguns graus. Os pedais, por outro lado, são elevados em 0,4 polegadas e movidos para trás em 0,6 polegadas.

Nova Triumph Daytona 660 2024

Embora a carenagem traseira seja emprestada da Trident, há um novo banco em duas peças com uma seção traseira elevada, e o assento do piloto é um pouco mais alto que o da roadster, ficando a 31,9 polegadas do chão. Um kit de rebaixamento pode diminuir para 30,9 polegadas, se desejado.

O tanque de combustível também é da Trident, com a mesma capacidade de 3,7 galões, mas a adição da carenagem faz com que a Daytona pese 198 kg, um aumento de 11 kg em comparação com a roadster de 187 kg.

Nova Triumph Daytona 660 2024

No cockpit, há um conjunto semelhante de instrumentos aos da Trident, com um display LCD branco sobre preto para velocidade, rotações, posição da marcha e nível de combustível, além de um pequeno display TFT colorido que inclui outras funções, como a navegação por turnos baseada em aplicativo disponível com o opcional Sistema de Conectividade My Triumph, que também adiciona controle de telefone e música.

Este display inferior também mostrará qual dos três modos de pilotagem você selecionou: Road, Sport ou Rain. Há controle de tração e ABS comutáveis como padrão, mas os auxílios ao piloto são versões simples, em linha reta, em vez dos sistemas conectados a IMU em seis eixos usados em motos mais caras.

Nova Triumph Daytona 660 2024

Toda a iluminação é LED, e há um sistema de aviso de parada de emergência automática que aciona os piscas durante uma forte desaceleração. Você poderá atualizar a Nova Triumph Daytona 660 2024 com opções adicionais, incluindo um quickshifter, que está entre uma lista de mais de 30 extras, incluindo manoplas aquecidas, bagageiro e acessórios cosméticos.

Nova Triumph Daytona 660 2024

As especificações da Nova Triumph Daytona 660 2024 sugerem que seus concorrentes terão dificuldade em superá-la. A Yamaha R7 pode ser mais leve, com 187 kg, mas também é substancialmente menos potente, e até a nova GSX-8R da Suzuki não consegue igualar a moto britânica em potência. A Honda CBR650R é o concorrente mais próximo em termos de potência, e apenas ligeiramente mais pesada que a Daytona.

Nova Triumph Daytona 660 2024

Embora outros concorrentes estejam no horizonte, incluindo a intrigante CFMoto 675 SR triple, por enquanto a Triumph é a única moto esportiva nesta faixa de preço a ter um motor tricilíndrico cheio de personalidade. E aí você também quer sua Nova Triumph Daytona 660 2024 ?

E se precisar de uma grana extra ou seguro em sua moto, visite o site de nossos patrocinadores!

Anúncio Loja PLR Ebooks PLR

Anúncio Racso Seguros Seguradora

Nova Triumph Daytona 660 2024


















Siga o Alta Cilindrada no youtube
Siga-nos no Google News / Google Notícias

Comentários

Adblock detectado

Nosso conteúdo é 100% gratuito, portanto para que seja sempre assim, pedimos a gentileza de desativar o seu bloqueador de anúncios. Obrigado!